E sete meses depois...

5

Uau... 7 meses!
Com o tempo pode fazer isso com a gente? Passar tão rápido.. assustador!

Enfim, muita coisa aconteceu nestes 7 meses...
Eu fui pra Orlando, engordei só 2kg e entrei numa onda de gordice violenta.. e engordei + 5 kg. Acreditem... voltei a estaca menos zero! 

Fora isso, entrei numa rotina de trabalho dura também. Muitas noites trabalhando, alguns dias sem nem ter tempo de almoçar... Graças a Deus as coisas melhoraram agora!

Mas de setembro pra cá minha vida fitness deu uma guinada!
E mesmo assim relutei para voltar a escrever aqui.
Precisava recuperar minha auto-confiança, precisa voltar a acreditar que eu era capaz.
Um mês e meio depois posso dizer que nunca estive numa fase tão boa de vida saudável.. Ainda é cedo, é muito pouco tempo pra dizer que minha vida mudou... Até porque já fiquei "comportada" por mais tempo, então preciso de mais uns meses pra acreditar.
Minha ausência aqui era justamente por isso. Não conseguia conceber a idéia de viver à mercê das circunstâncias. Que tipo de blog é esse, que quanto está tudo bem, a pessoa posta foto, posta receita, conta sobre treino. E aí está numa fase ruim, desaparece.
Sinceramente eu nem pensava em voltar...
Mas acho que pode ser bom! Realmente tenho muita coisa pra contar... e resolvi tentar outra vez!

Não vou contar tudo de uma vez o que eu fiz, o que mudou, onde estou agora.
Mas sei que estou bem...
E vou contar tudinho nos mínimos detalhes!
É que são muitas novidades... estou animada para poder contar!

Mas hoje vou aproveitar o post só para mostrar o pãozinho que já estou virando expert! O pão dukan!
PS: Não, eu não estou fazendo a dieta Dukan. Mas confesso que tenho me aproveitado demais das receitas.

Essa é uma delas...
A coisa mais simples do mundo e quebra um mega galho.
Não faço todo dia, toda hora.. acho que umas 2x por semana estou aderindo... à noite, quando estou com um pouco mais de fome.

Receita:

1 ovo
1 colher de farelo de aveia
1 colher de chá de fermento
1 colher de requeijão light (de preferência zero gordura), mas já usei com creme de ricota também fica ótimo.

Mexer bem todos os ingredientes (eu gosto de bater primeiro o ovo depois misturar o resto) e levar ao microondas em recipiente apropriado por 3 minutos.

Dicas: Pode acrescentar chia ou linhaça para dar uma encrementada!

Adaptação por minha conta: Ontem resolvi substituir 1 ovo por 2 claras somente. Ficou a mesma coisa na minha opinião, e menos gorduroso né?

Outra coisa, o recipiente precisa ser mais fundinho pois o pãozinho cresce (depois murcha um pouco), mas corre o risco de transbordar.

Aí use a criatividade para rechear... Uma coisa boa é colocar no grill também, tipo tostadinho, uma delícia!

Nesse meu de ontem usei franguinho desfiado com ricota amassada, cenoura, salsinha, cebolinha e rodelas de tomate. Eu queria o recheio gelado, então como o pão deu bem certo ontem, a consistência ficou boa, nem coloquei no grill.


Esse aqui foi o primeiro que fiz, recheei com cottage, peito de peru e azeitonas verdes, delícia!!!
Vejam que ficou bem tostadinho, esse quando tirei do micro ainda tava um plouco molhadinho, então o grill deu uma bela tostada... ficou legal!



Pra mim, uma das maiores vantagens desse pãozinho, além obviamente de ser zero carb, é que high protein! Como fiz ontem então com 2 claras de ovo e recheio de frango então... altamente protéico!

Vou ficando por aqui... logo logo volto para contar mais novidades!



Meu Primeiro Antes e Durante - com fotos!

6

Oi gente!

Que vergonha... andei totalmente sumida!
Sério, às vezes é falta de tempo, às vezes é só preguiça mesmo...
Muitas crises ainda, muitas "quase desistências", mas não é meu perfil, eu não desisto!

Meu último sábado foi muito feliz pois depois de 2 anos consegui ver a balança na casa dos 56kg (exatamente 56,5kg) que era algo que parecia muito distante e impossível de eu alcançar novamente. São 7,5kg na balança em 8 meses, sem contar a provável massa magra que adquiri após 6 meses de musculação. Não é uma perda radical, muita gente perde isso em 2 meses... Mas é isso que consegui (por enquanto) e não quero voltar atrás!

Por isso, achei que pela primeira vez vale a pena colocar um "Antes e Durante" de imagens por aqui. 
OBS: Essa meta de 52kg era a meta inicial... mas no momento estou buscando os 53kg. Mas como nada é impossível, deixa aí!

Abaixo a evolução das medidas. Pintei a linha do braço de vermelho pois acho que tem algo estranho na medida inicial, provavelmente foi em uma altura diferente do que medi em março e abril. Agora, as medidas de abdomen e cintura são impressionantes!

 
Resolvi fazer esse post porque realmente acho que SÓ AGORA os resultados estão começando a aparecer de verdade, e o legal de mostrar pelas fotos é que não vejo só uma diminuição de peso, mas vejo outras coisas aparecendo, mas não vou contar o que estou enxergando... quero ver se é psicológico: me ajudem dizendo nos comentários o que vocês percebem nas imagens abaixo além de emagrecimento...

Vamos às fotos?

COSTAS
Na minha opinião, a evolução mais nítida...
Gente, o que são essas pelancas horrorosas em Agosto? NUNCA MAIS!

FRENTE
Aqui vejo que ainda há muito trabalho a ser feito... os pneuzinhos laterais continuam enormes e a gordurinha do "sutiã" também. Mas o formato do meu corpo sempre foi esse, meio "redondo". Só que vou continuar fazendo de tudo para mudar isso...
OBS: Destaque aqui para os seios... diminuíram muito! Gordura pura né?
LATERAL
Vejo bastante diferença, principalmente nos braços que é algo que me incomoda demais.
Mas tanto barriga quanto braços continuam bem grandes... Foco!!!
É isso gente... espero muito em breve poder colocar um Antes e Durante melhor ainda que esse...

Beijos a todos!

Rotina de Exercícios - Março + Desabafo!

0

Olá pessoal!
Tudo bem?

Hoje vim falar um pouquinho de como anda minha rotina de exercícios.
Preciso dizer que nunca em toda a minha vida tive uma rotina tão "árdua", no bom sentido hehe.

Sério, a maioria das semanas estou conseguindo ir para a academia de manhã todos os dias! Ou seja, de segunda a sexta. Na academia eu faço cerca de 50 minutos de musculação + uma aula de 50 minutos de spinning. Nas últimas duas semanas estou tentando alternar as aulas de spinning com uma corridinha na esteira, só para o corpo não acostumar com um único tipo de atividade e acabar minimizando o rendimento. Ah, meu treino da musculação é com intervalo ativo. Ou seja, no meio das séries, em vez de descanso eu pulo 30 segundos na cama elástica ou faço 30 segundos de step. Confesso que não são todos os dias que eu aguento fazer isso. Na verdade estou tentando fazer o intervalo ativo nos dias em que não vou para o Muay Thai à noite, se não fico muito acabada e sem energia...

Em março também retornei para o Muay Thai! Então por enquanto estou conseguindo treinar 2x por semana. Segunda comecei um curso à noite então não consigo, terça eu fico sem carro, então sobra quarta, quinta e sexta... Preciso começar a tentar ir nesses 3 dias! Mas 2 já me dou por contente porque já um plus do que fiz de manhã! De manhã é sagrado... o despertador toca e (6h25) não me dou opção... Muitas vezes dá preguiça mas eu não paro para pensar nisso. E depois que estou lá, é incrivelmente satisfatório... vale demais a pena!
  

O que fiz por exemplo na semana passada, além de disso, foi correr na praia no sábado de manhã. Saí de casa com uma garoa e no meio do caminho peguei um temporal. Lavei a alma  =)


Outro dia fiz stand-up paddle no sábado também. Enfim, se eu não estiver muito cansada estou tentando sempre encaixar alguma coisinha a mais no sábado. E domingo é meu dia de descanso dos exercícios...

Poder fazer isso me deixa muito feliz, de verdade... Eu sempre adorei praticar exercícios físicos e eu gosto de tudo sabe? Acho que a única modalidade que não me agrada muito é o jump, embora seja o queridinho de muita gente. Já joguei futebol, já surfei, já corri (muito) e continuo correndo, continuo fazendo musculação, spinning, muay thai, experimentei o stand up, ai... se eu pudesse... viveria a minha vida assim!

Às vezes fico muito desanimada com a minha evolução pois tenho realmente muita dificuldade de perder peso, é uma luta de uma vida... 
Ontem fuçando umas fotos na casa minha mãe confesso que rolou uma deprê, por 2 motivos...

1) Olha como eu era bem gordinha desde criança...

Eu sou a de biquini azul e cabelo lindo chanel rs com a pança bem grande... 
Olha meus irmãos pequenininhos q fofura, e minha prima q magrinha!
  
Aí fiquei pensando: Cara, como é difícil você ser prejudicada pela genética... eu sou a única da minha família com essa tendência! Incrível... E não adianta o quanto eu malhe, se eu não for 500% radical na alimentação, eu não evoluo... aí bate um desânimo. E...

2) Porque um dia eu consegui pesar menos de 50kg... Tudo bem, eu tinha 19 pra 20 anos, mas cheguei na casa dos 49kg... (pra minha altura de 1,57cm é um peso excelente).

   Olha a finura do braço que é o que mais me incomoda hoje!

Aí vejo tantos casos de pessoas na mesma situação que eu, que também sempre foram gordinhas etc e que hoje conseguiram! Então a única coisa que eu penso é que NÃO POSSO DESISTIR! Posso ter grandes dificuldades de atingir minha meta (52kg) ou talvez nem atingí-la... Mas o dia que eu desistir de vez, eu vou assinar o atestado da obesidade definitiva...

Mas de qualquer forma, a última coisa que eu penso em parar é de me exercitar :-)

Beijos e boa semana a todos!






Cardápio da Semana (12) - De volta!

0

Oi minha gente!

Depois de quase 4 meses (aff, como o tempo voa), estou retornando com o "Cardápio da Semana". Vamos ver?

(Clique na imagem para ver em tamanho maior) 

OBS: Quando aparece "bisnaguinha" aí em cima são as bisnaguinhas integrais ok?

Vamos aos comentários?

1. Vocês vão ver que rolou muita barrinha de cereral nessa semana né? Vou contar o que houve... Encontrei uma amiga no trabalho que tem uma gaveta cheeeeeeeeia de barrinhas importadas e ela me deu várias para experimentar. Então acabei comendo mais do que o normal durante a semana. Preciso reduzir, sabemos que barrinha não é lá tão mil maravilhas assim. Dependendo da marca pode ter muito açúcar e pouca fibra, que é o que interessa! Mas olha, muitas barrinhas delicinhas, voltarei com várias dos EUA daqui a 2 meses...

2. Vocês vão ver aí "quiche integral" e "pastel assado integral". Encomendei alguns ítens desse tipo de um buffet e deixei no congelador para quando precisar de algo rápido ou um lanche. Amei, é tudo bem gostoso. Ainda tem umas esfihinhas integrais para exerimentar!

3. Cometi alguns errinhos mas já me acertei para essa semana...
  • Nada no pós-treino. Muito ruim isso... Mas foi uma semana muito agitada de trabalho e acabei não priorizando e não me organizando. Muito feio, já corrigi isso.
  • 2 dias almocei só salada, sem carboidrato e sem proteína. Na verdade bem errado por conta da proteína, ela precisa estar presente obrigatoriamente nas refeições principais e se possível em todas durante o dia. O carboidrato sinceramente não faço questão, o problema é ter fome mais rápido (um fato no meu caso), aí acabo inserindo o carbo nos lanches intermediários. A verdade é que não gosto de arroz e tenho preguiça de cozinhar uma batata ou algo do tipo, mas vou pensar na hipótese de incluir uma batata-doce... 

Percebam que sábado não almocei... Foi o encontro do "Emagrece ou Paga" que comentei aqui ontem. Foi um café da manhã saudável mas super reforçado então comi bem mais do que estou acostumada no dia-a-dia, e bem mais tarde também. Só fui ter fome lá para umas 5 da tarde...

Ah, e queria contar também o que tenho resistido e evitado... Contei sobre os croquetes da quinta-feira né? Bom... sábado à noite fui jantar fora com uns amigos em um restaurante muito bom aqui em Santos, meu prato foi: risoto de 3 cogumelos + salmão grelhado.
Pedi uma tapioca de sobremesa mas me arrependi porque não estava boa.
Mas essa refeição foi premeditada e planejada, não foi uma questão de "ai não aguentei". Acho que devo seguir nesse ritmo, programando uma ou no máximo duas refeições POR SEMANA, em que eu possa comer algo gostosinho, mas sem abuso.

Já no domingo, almoço na casa da sogra, é sempre bem complicado pois sempre rola algo bem "engordativo" hehe. Meu prato foi: uma porção pequena de arroz branco com feijão preto + 1 hamburger caseiro com 1 fatia de peito de peru + 1 de queijo + tomate. O que eu não comi: batata frita e brigadeiro! E domingo à noite na cantina na igreja rolou hot-dog, torta de nozes e cup cake. Dividi o hot dog com uma amiga, o cheiro daquele molho com pimentão, cebola e afins tava sacanagem, valeu a pena o 1/2 cachorro hehe... E dei uma mordida no cup cake que meu marido comprou. Foi uma amiguinha minha de 8 anos que fez, um cup cake D-I-V-I-N-O recheado de doce de leite. Sério, foi só uma mordida, mas já avisei ela que domingo que vem vou querer um inteiro. Mas para isso, serão 5 dias de musculação + spinning + corrida + 2 dias de Muay Thai e nenhum doce até lá  :-)
Mais uma refeiçãozinha planejada.


Não sei se isso está certo ou errado, mas acho que consigo um equilíbrio melhor dessa forma. Não vou e nem quero me tornar obsessiva. Não quero deixar de gostar de um docinho sabe? Mas acho que planejando consigo até ter mais foco: se rolar uma tentação inesperada no meio da semana, vou evitar porque meu foco é o cup cake dividinoquevalecadacaloria no domingo!

Mas cada um precisa achar sua fórmula. Tem certas coisas (tipo o croquete de quinta passada) que eu simplesmente prefiro evitar. Porque a montanhazinha deles estava ali na minha frente, comer só um seria praticamente impossível.

Eu acho que para mim esse é o caminho de diminuir de vez a quantidade de coisas que engordam e fazem mal à saúde (e que eu gosto tanto). Sonho com o dia em que libertarei do efeito sanfona e meus hábitos alimentares serão equilibrados forever.  

Conta aí gente, quem já atingiu seu peso ou está quase lá, com qual frequência rola um pecadinho? Essa informaçãoé muito útil pra mim rs...

Beijão!


Primeiro Encontro "Emagrece ou Paga"

8

Oi pessoal!
Eaí como foram de final de semana?

Há quase um mês atrás contei aqui um projeto que iniciei junto com um grupo de amigos, chamado "Emagrece ou Paga", que se resume em: Se manter o peso ou engordar você paga R$ 100 para os outros do grupo.
Desde então eu não me pesei, e neste sábado fizemos nosso primeiro encontrinho aqui em casa. Um café da manhã com pesagem :)

Bom, estou muuuuuuuuuuuuuito feliz não só com os meus resultados mas com de todos os participantes, pois todos emagreceram. Uns mais, outros menos, mas nenhum dos 6 participantes mantiveram o peso ou engordaram. 

Confesso que dei umas escorregadas durante esse primeiro mês e me arrependo de todas. Mas no último post contei que estava com uma energia diferente, uma força nova. E é assim que estou desde então, principalmente por ter eliminado 2,4kg nesse primeiro mês do desafio. Ebaaaaaaaaaaaaa!!!
Ainda estou 1kg mais gorda do que estava no começo de Dezembro, mas paciência né?
Minha meta agora é eliminar + 2,5kg no próximo mês de desafio. Estou estabelecendo metas de curto prazo... Ainda faltam cerca de 6,5kg para minha meta total, mas eu nem sei se realmente vou conseguir chegar nesse peso, por isso essa meta pode variar. Digo isso pois estou treinando pesado na musculação e pode ser que meu corpo chegue num limite de peso e aí eu só troque massa gorda por massa magra. 
Mas não é o momento de pensar nisso agora pois ainda estou muitíssimo acima do meu peso, para uma quase-anã de 1,57m. Então focarei nas metas de curto prazo, repetindo: 2,5kg até 18/04. E no mesmo esquema: sem me pesar!! 

No sábado, eu e mais duas amigas do grupo também tiramos nossas medidas. Eu já estava fazendo um acompanhamento, mas zerei pois não estou certa das "marcações", tipo, não sei se a medida do meu braço era 15cm ou 20cm acima do cotovelo etc. Então zerei e anotei tudo direitinho para ver a evolução na próxima pesagem.

Aproveito para compartilhar com vocês algumas fotinhos do encontro de sábado...

Queijo branco, suco de soja, toddy light, leite semi-desnatado, torrada integral, pão francês integral, café... hummmm

Minha especialidade saudável: bolo integral de banana

Nós 6! Todos sorridentes!

Minha geléia caseira de frutas vermelhas, delicinha! (OBS: Afffffff, que braço é esse???)

E uma fotinho que tirei no sábado à noite, antes de sair... 

Ângulo + preto = emagreça 10kg

Boa semana para vocês e "vamo q vamo"...

 


Eu resisti !!!

3

Olá gente!! Tudo belezinha?

Hoje estou bastante animada, aliás desde ontem... estava tão empolgada que mal consegui dormir, juro. Maldita ansiedade hehe...

Há umas duas semanas atrás fui em um aniversário e consegui falar NÃO na hora do bolo, coisa que eu não conseguia fazer há um certo tempo. E olha que não foi só um NÃO. O aniversariante insistiu horrores, ficou até uma situação meio chata. Tipo: "Depois você treina e perde". (Peraí meu filho não é por aí né?). Fiquei firme e resisti... e é impressionante o quanto isso me torna forte.
Mas passados uns dias acabei abrindo outras exceçõzinhas, nada grave.
Só que ontem fiquei muito feliz... Fui em um outro aniversário e consegui resistir de verdade. Na verdade por um bom tempo eu não comi nada e não estava chateada por isso. Mas o tempo foi passando e começou a me dar um buraco no estômago. Então comi 2 empadinhas minúsculas... e nem curti sabe? Foi mais para tapar o buraco, eu não tinha outra opção. Mas o pior vem depois... Após essa festinha, que foi no final da tarde, minha sogra nos convidou para ir "continuar a festinha na casa dela pois ela tinha feito alguns croquetes". Gente, socorro... que vontade de sumir, sério. E assim... a miha sogra é A COZINHEIRA. E esse croquete de carne que ela faz é mais do que divino, sem nenhum exagero. OK, não tinha opção, fomos lá... Adivinha quantos eu comi? 
Exato, NENHUM.
Aí ainda vem na mesa refrigerante, suco de caixa e suco de maracujá com bastante açúcar.
Adivinha o que eu bebi?
Exato, NADA.

Sério, não é fácil esse tipo de decisão. Porque além de eu realmente estar com vontade de comer/beber aquilo, ainda "pago" de mal educada. Não é fácil... 


E olha, eu não vou aqui dizer: "Ai, nem sinto mais vontade de comer coisas gordurosas e tal". Mentira, eu sinto sim! Parabéns para várias blogueiras e afins que acompanho que já conseguiram se desprender desse apetite maldito. Sei que todos falam que é uma questão de costume, mas parece que no meu caso esse tal costume não vira hábito nunca. Eu continuo com vontade de comer tudo quanto é tipo de porcaria... Mas a diferença é que a consciência pesa, e muito. Voltei a treinar Muay Thai na quarta após quase 2 meses e quase morri porque o querido mestre resolveu dar tipo um treino funcional, de circuito, exclusivo para as mulheres, na primeira parte da aula. Aí pensei: "Vou jogar esse esforço no lixo por um croquete?" Sério, não vale a pena. Se você conseguir uns 10 segundos para pensar antes de enfiar o croquete na boca, você não come. O problema é que a gente não pensa... Nesse momento estou me sentindo como se tivesse saído do meu corpo falando isso... Porque eu sou a típica "mente de gorda". Adoro comer todas as besteiras do universo. Mas é uma questão de escolha. Estou viciada no blog da Penélope e ainda vou fazer um post só com as lições que tenho aprendido lá. E muito dessa força de vontade repentina veio dos posts que li seguidos em menos de 2 dias. Por isso meninas que têm seus blogs e assim como eu, muitas vezes desanimam e param por um tempo de postar, NÃO PAREM! Escrevam, dividam, troquem. Faz muito efeito para quem está lendo... Mas voltando, li algo no blog da Penélope que tenho trazido comigo diariamente (não está ao pé da letra, mas com minhas palavras ok?): "Enquanto você continuar abrindo suas lindas exceçõezinhas e comer um bolinho porque você merece, ou tomar um copinho de cola-cola porque você merece ou qualquer coisa só porque hoje você trabalhou muito ou cuidou muito da casa ou seja lá o que for, você vai continuar tendo A BARRIGA QUE MERECE!!!"
Hahahaha, não é o máximo? É isso gente, sinto muito. Isso é para mim. Enquanto meus hábitos alimentares não mudarem DE VEZ, vou continuar tendo "o corpinho nada esbelto que mereço".
Ontem mesmo conversando com meu marido, ele me disse: "As pessoas acham um absurdo quando nego uma sobremesa no almoço porque digo que estou querendo emagrecer". Isso porque as pessoas acham que ele está magro ou num peso adequado. Eu disse para ele: "Você não está fazendo uma dieta, você precisa dizer que é assim que você se alimenta".  Ou seja, é assim que precisa ser nosso comportamento de forma definitiva. Tipo, yuupii atingi meu peso, vou comer sobremesa todo dia agora! Oi?


É super bom quando algo te dá uma levantada sabe? E essa semana tô "bem levantada". São várias coisas, o blog que comentei, o retorno para o Muay Thai, amigos que te apóiam, seu profesor de spinning te dizer que você "voltou a emagrecer, então para de comer besteira minha filha". Hahaha...

Desculpem o post gigante mas estou muito feliz e animada de novo, e percebi que a minha força vem das abnegações. Fico muito mais forte quando digo NÃO para um croquete. Percebo que nada pode me deter, desde que eu realmente queira.



E queria deixar um videozinho para fechar a semana! Podem achar brega ou de má qualidade mas eu aaaaaaaaaaaaaaaaaaamo quando meu professor de spinning manda uns funk's na aula. É muito animado... Naldo é top!
 

Duvido que você não ficou com vontade de dançar!

Beijos e bom findi pra vocês! Com força total!




Fruta da semana: Maçã

1

Olá gente! Quanto tempo... tudo bem com vocês?
Bom, eu tenho andado distante mesmo. Ainda não retomei meu ânimo 100% então confesso que fico com preguiça de postar e até mesmo sem criatividade ou idéias sobre o que escrever.

Mas há umas duas noites atrás sonhei com algo relacionado a "fruta da semana".
Não me perguntem porque cargas d'água tive um sonho desse, mas resolvi criar essa categoria por aqui. E faz muito sentido para mim, porque na maioria das vezes preciso escolher uma única fruta para comprar. Não sei se já comentei aqui mas meu marido simplesmente não come nenhuma fruta então não posso comprar em grande quantidade senão estraga. A única exceção é a banana, que é sagrada e toda semana tem. Então além da banana, acabo escolhendo uma outra fruta e me jogo nela a semana toda. 

A fruta dessa semana foi a maçã! Na verdade foi a dessa semana e da semana passada. Comprei na feira da semana passada e ainda tem! Como revezo com a banana e com outras coisinhas também para lanche acabou sobrando. Ótimo porque hoje seria o dia da feira e não pude ir...   Tentei fazer um apurado geral dos benefícios da maçã de tudo que já li ou já ouvi falar...


Achei bem interessante este link também: http://www2.uol.com.br/vyaestelar/maca_saude.htm

Confesso que muitas vezes tenho preguiça de comer maçã sabe... Não sei explicar. E até acho uma das frutas mais sem graças que existem. Mas sou bem eclética (risos) e com todos esses benefícios, não posso ignorá-la não!

E achei aqui uma receitinha ótima de suco desintoxicante com essa frutinha amiga. Eu amo sucos e descobri a lindeza de acrescentar gengibre em todos eles... 

Ingredientes: 1 maçã pequena, 100 ml de água de coco, 1 rodelinha pequena de gengibre.
Bater tudo no liquidificador e pronto!


Eu adicionei ainda uma colher de sopa do adoçante Tal e Qual. Nossa, ficou delicinha... e sacia viu?


Hummmmmmmmm


Essa foi minha janta de ontem e hoje, já que dei uma leve abusada no final de semana.

Ahh o verão onde você não tem aquela vontade desesperadora de tomar chocolate quente e capuccino todos os dias ou fazer um brigadeiro de panela. Um suquinho detox resolve!

Vou tentar aparecer mais por aqui... peço desculpas a todos que estavam acompanhando o blog :(

Beijos............





Não estou me pesando!

1

Olá gente!

Estou bem relapsa com os posts por aqui... Ando bastante ocupada, com muito trabalho e um pouco sem tempo, infelizmente.

Mas vim aqui falar rapidinho sobre "pesagem".
Eu sempre tive dificuldades com isso e já contei aqui um pouquinho do que acontece quando me peso. Sei que o ideal, e é o que a maioria das pessoas faz, seria uma pesagem semanal. O problema é que quando passo por uma semana super comportada, sem exceções, bastante exercício, enfim, tudo certinho e na hora de me pesar vejo que o peso não mudou, ou que mudou tipo 100g, fico muito, mas muito frustrada. Sério, entro numa crise "braba" (coitado do meu marido que aguenta minhas lamentações) e a consequência disso nunca é boa. Em vez eu eu pensar "Preciso me esforçar mais", penso: "Caramba, se tudo que estou fazendo não está trazendo nenhum resultado, então vou logo comer o que eu gosto, porque dá no mesmo". E aí estrago tudo né?
Meu problema é e sempre foi a "boca". Não tenho dificuldade nenhuma com exercício físico, não tenho preguiça, adoro e é um dos momentos em que mais me sinto bem ao longo do meu dia. O problema é a comida mesmo. E principalmente nos finais de semana... ou em aniversários repentinos durante a semana (esses são os piores, aff...). Tenho muita dificuldade em estar em um ambiente onde tem tanta coisa gostosa e rejeitar aquilo. Na minha casa não tem "ítens engordativos" não. Na minha compra, desde que casei (há 3 anos e meio) nunca entrou salgadinho, bolachas, doces e afins. Muito raramente, quando vou receber alguém compro os ingredientes necessários para fazer uma sobremesa ou coisa do tipo. Então não sofro tentações em casa... Mas os finais de semana muitas vezes acabam estragando tudo.
Agora, a outra situação é quando me peso e acho que o peso diminuiu bastante... Aí a felicidade é tanta que penso: "Acho que não terá problema se eu comer um docinho né".
Mas temmmmmmmmmmmmmm!!! Claro que tem problema! Em vez de evoluir, eu regrido.

Então, desde que comecei o desafio "Emagrece ou Paga" que comentei no post anterior, não estou me pesando. Já se foram 10 dias e tiveram sim umas escorregadas... Mas bola pra frente que ainda falta muito kilo pra despachar. E não sei como, mas estou conseguindo segurar a onda e não me pesar. Prefiro usar o seguinte método: Fazer tudo o que estiver ao meu alcance e ter uma grata surpresa dia 18/03 (espero muito que seja assim hehe!). E a tentação é grande porque tenho balança no banheiro e por outras vezes pedi pro meu marido esconder, mas ele também está no desafio e gosta de se pesar todo dia haha... Tudo bem, deixa a balança lá e testo meu auto-controle por mais 20 dias!

Beijossss!


Projeto Emagrece ou Paga

1
E aí pessoal, tudo bem?

Bom, depois do meu último post de desabafo e melancolia, hoje vim aqui contar sobre um projeto que estou fazendo junto com um grupo de amigos chamado "Emagrece ou Paga".

É simples: Cada um estabeleceu sua própria meta de emagrecimento e todo mês a pessoa precisa emagrecer algo (não importa quanto) até chegar na meta definida. No mês em que a pessoa não emagrecer nada, paga R$ 100. Quem emagrecer, recebe esses R$ 100 de quem não emagreceu. Na verdade todos que não emagrecerem pagam R$ 100 que serão rateados entre todos os que emagrecerem.
Quando a pessoa atingir a meta pessoal, a meta vira "manter o peso". Assim pode continuar participando do grupo e é um incentivo para não engordar de novo né?
Temos 7 pessoas participando e sinceramente? Acho que ninguém aqui vai ganhar grana nenhuma (risos) porque só entrou mesmo no projeto quem está a fim de fazer o esforço valer a pena.

Essa semana já fiz minha parte: 5 dias de seguidos de musculação + spinning.
Acho que já devo ter eliminado 1,5kg, mas vou resistir firme e forte até o dia da pesagem, que é mensal. Começamos na segunda-feira, então só vamos nos pesar dia 18/03.
Para mim é bem melhor assim pois já comentei aqui sobre meus dilemas quando me peso. Se perdi muito, fico "contentinha" e saio enfiando o pé na jaca. Se perdi pouco fico indignada e só uma comidinha gordurosa para tirar minha raiva. Então, a melhor coisa é fazer tudo o que for possível durante 1 mês e ver o resultado. Não tem como falhar né?



Ainda estou meio desanimadinha, choramingando o tempo perdido e os quilos recuperados. Mas bola pra frente!

Beijos e bom final de semana!!! 


E começa tudo outra vez...

3

Uau!

2 meses e meio depois estou postando aqui novamente.
Preciso dizer que tipo de sentimentos me dominam neste exato momento?
Fracasso, decepção, raiva... e outros que não sei nem o nome...

Mais uma vez eu voltei atrás, mais uma vez eu deixei de atingir meus objetivos, mais uma vez eu fui fraca e a conclusão disso é: A minha vida não mudou.
Eu realmente cheguei a pensar que minha vida tinha mudado, que meus hábitos tinham mudado, que eu era uma nova pessoa em relação à minha alimentação. Que eu podia sim ter controle, que eu jamais voltaria a recuperar os kilos que perdi, que eu jamais voltaria para a casa dos 60kg.

E cá estou eu. Após tanto esforço durante 4 meses do ano passado, recuperei 3,5kg dos 6kg que havia perdido. Percebi que tenho um problema sério de amnésia. Simplesmente passo uma borracha e esqueço o quanto foi difícil, sofrido... O quanto tive que ralar na academia, no Muay Thai, o quanto tive que ser forte para recusar coisas gostosas. E simplesmente jogo tudo por água abaixo!!

Resumindo, a coisa começou a desandar no meu aniversário, dia 11 de dezembro. Essa coisa de "se dar o direito" só porque é a data x ou y, não funciona comigo. A coisa desandou desde esse dia até ontem. Literalmente emendei meu aniversário, as festas de fim de ano e o Carnaval. Péssimo!
Em dezembro mal fui no Muay Thai e também não fui para a academia todos os dias. Consegui manter 3x por semana. Por isso admiro mesmo todas essas blogueiras que conseguem ser saudáveis o tempo todo. Infelizmente, quem tem a maldita da tendência, não pode vacilar. Não pode ser dar ao luxo, não pode abrir exceção, não pode nada... Digo que admiro elas, porque eu realmente não consigo. Sou fraca demais para ser como uma delas...

A única coisa que me resta é tantar outra vez. Assim como tantas outras... Gostaria muito de ser crédula o suficiente nesse momento para dizer "Agora vai". Sabe quando você perde a confiança em alguém e nada que a pessoa fale faz você acreditar que ela mudou? Pois é, perdi a confiança em mim mesma, porque em Agosto me dei um ultimato e não cumpri... Logo, por mais que eu pense: "Vamos lá, vou começar tudo outra vez, sei que vai dar certo..." Ao mesmo tempo penso: "Você é uma ridícula sem palavra, por que daria certo agora"?

E nada que ninguém me fale vai me fazer pensar diferente. Não vou ficar mais confiante ou pensar hiper positivo. Não... simplesmente vou começar tudo de novo, um pouco no automático, simplesmente porque eu não tenho outra opção.

E é isso...