[Pense Magro] Dia 2

5
Eaí gente!!?! Sexta-feira, delícia!
E aqui em Santos está um dia lindo :)

Bom, ontem completei minha segunda atividade do livro "Pense Magro", essa foi mais fácil.A tarefa era escolher duas dietas razoáveis de serem mantidas e nutritivas, principalmente.
Por que duas opções? Pois se de alguma forma a primeira não funcionar, não há motivo para desistir mais uma vez de emagrecer. Temos um Plano B!
O livro fala sobre as dietas restritivas e a dificuldade de mantê-las a médio e longo prazo. Por isso, o ideal é escolher algo plausível, praticável, algo que conseguirei manter por um bom tempo, até por que, mais uma vez, não vou emagrecer 14kg em uma semana, estou bem consciente disso!


 O livro também expõe dois tipos possíveis de dieta: 

1. Planejamento Alimentar: Aquela dieta que tem exatamente o que vai ou não comer. Para muitas pessoas pode ser uma excelente ferramenta, pois fica mais fácil você seguir à risca uma prescrição e obedecer as regras. Já por outro lado, pode-se criar um padrão e se ocorrer um escorregão o estrago seria grande, do tipo "E agora, estraguei tudo... então vou comer tudo hoje, amanhã recomeço". Isso poderia tornar a dieta insustentável a longo prazo, principalmente em ocasiões onde controlar o que se come pode sair do controle tipo férias, viagem de negócios etc.

2. Sistema de contagem de pontos: Não é necessariamente a "Dieta dos Pontos", mas é aquela dieta na qual você tem flexibilidade para escolher os alimentos dentro de uma quantidade de calorias permitida e obviamente numa categoria de alimentos saudáveis. O ponto positivo é que se pode adaptar a dieta ao seu estilo de vida mas por outro lado, a flexibilidade pode trazer escorregões demais. Requer também mais tempo de planejamento.

O livro deixa o leitor à vontade para escolher o tipo de dieta que melhor se adapta ao seu estilo, mas é importante pensar no que já funcionou ou não no passado.

Eu particularmente gosto da primeira opção!
Não aquele lance de cardápio fechado, tipo "Segunda-feira no almoço coma frango com salada, na terça coma peixe com legumes etc". Essa para mim não funciona, pois como fora muitos dias na semana, devido à rotina de trabalho.

Mas, já entrando nas dietas que escolhi, eu prefiro aquelas dietas que têm listas de opções/substitutos. Exemplo:
Café da manhã: 1 porção do grupo dos queijos (aí dentro disso tem requeijão, queijo branco, mussarela light e por ai vai)

Como eu disse no começo, essa tarefa foi fácil pois na verdade já estou fazendo dieta. Procurei uma nutricionista dia 10 de Julho deste ano e gostei bastante do estilo que ela trabalha!
Ela fez um questionário muito extenso, com perguntas variadas, e muitas delas eram para entender minha rotina diária, rotina de exercícios, minhas preferências alimentares, possíveis restrições etc. Com isso, ela montou uma sugestão alinhada com meu estilo de vida e personalizada para minha idade.

Não dá para tolerar aqueles médicos que abrem a gaveta e tiram uma dieta pronta, como se os mesmos padrões servissem para todo mundo né? Eu estava cansada disso.

Por isso, esta nutricionista nem me deu a dieta no dia da consulta. Ela levou o questionário para casa e após alguns estudos me enviou as orientações, 3 dias depois. O mais legal é que foi um trabalho bem completo: além de me mandar os grupos e as quantidades que eu deveria consumir em cada refeição, ela me mandou ainda: um exemplo de cardápio diário, orientações diversas como por exemplo "a importância do café da manhã", "a importância dos carboidratos" e por aí vai, além de várias receitinhas de pratos e muitas de sanduíches light, pois eu disse que não gostava de jantar comida à noite.
Sem contar que ela tirou minhas medidas e mediu o índice de gordura. Tudo isso precisa evoluir até próxima consulta.

O problema é que até então eu tava seguindo a dieta dia de semana e avcalhando final de semana, ou quando tinha algum evento fora do planejado. Nunca ia dar certo! Então, considero que comecei a fazer a dieta de verdade nesta terça, quando decidi que não haveria mais exceções!


Não vou detalhar a dieta aqui pois como falei, foi personalizada para mim. Pode ser que não funcione para você! Mas posso afirmar que não é nada restritiva em relação aos grupos de alimentos. Obviamente é restritiva em relação a doces, refris, açúcar, enfim, tudo que não é saudável. Mas tenho descoberto uma infinidade de opções saudáveis que me dão muito prazer, praticamente o mesmo prazer dos alimentos não saudáveis... Então, não está sendo tão difícil de seguir, tenho muita variedade de escolha.
Eu indico esta nutricionista em São Paulo, para quem interessar, segue o site dela: www.nutricionistajuliana.com.br

A segunda dieta que escolhi foi uma que já fiz há algum tempo também e deu resultado. É uma dieta que uma amiga minha fez e nunca mais engordou. É muito parecida com a que estou fazendo, com pequenas variações. 

De qualquer forma, acho que existem alguns hábitos saudáveis que todos nós sabemos que precisamos fazer, e que já ajudam MUITO, independente da dieta que for escolhida. Não sou médica, nem esteticista, nem nutriconista, nem nada disso, por isso recomendo muito a orientação de um profissional capacitado. Mas ao longo desta caminhada e bombardeio de informações, não há contra-indicação (muito pelo contrário), para:

  • Beber pelo menos 2L de água por dia;
  • Se exercitar no mínimo 3 vezes por semana (ache alguma coisa que gosta!!!);
  • Não beber líquido durante as refeições;
  • Diminuir a quantidade de sal (sódio incha);
  • Cortar refrigerantes e evitar bebidas de caixinha e latinha (contém quase tanto sódio quanto refri);
  • Evitar doces;
  • Tentar substituir carboidratos simples por complexos (integrais);
  • Incluir mais fibras nas refeições (grãos, cereais, frutas, verduras etc);
  • Mastigar mais os alimentos, comer devagar;
  • Comer de 3 em 3 hs (além de acelerar o metabolismo faz com que as porções das refeições principais diminuam).

E eu acrescentaria um pessoal meu: POSTURA! Sim, ombro pra trás, barriga pra dentro! Eu tenho uma postura muito desleixada, então minha barriga parece ter o dobro do tamanho. Ultimamente tenho prestado bastante atenção à minha postura e corrijo sempre que lembro!

Já escrevi muito né? (Não me controlo rs).
Mas para finalizar, hoje vai a foto de uma mulher que eu acho linda, sempre vou tentar colocar aqui inspirações, para me espelhar!
Por que a gente queria ser que nem elas, mas elas também es esforçam muito, deixam de comer o que gostam, malham horrores. Tudo tem um preço.


Sabrina Sato

Beijos e bom final de semana!!!





5 comentários:

Kesia disse... [Responder Comentário]

Essa barriga da Sabrina SAto fala serio...kkkkk

Fitness Blond disse... [Responder Comentário]

http://fitnessblond.blogspot.com.br/

Danielli Duarte disse... [Responder Comentário]

Oi Caroline,

Adorei ler o post inteiroo!
Esse livro é muito bom (:
Beijo.

www.euvouderimel.blogspot.com.br

Paula Ines disse... [Responder Comentário]

Oieeee...Então, pra mim já funciono melhor na Dieta dos Pontos.. Se bem que tá mais pra Dieta da Compensação, pq não conto ponto nenhum...rs.. Vou só balanceando, por minha conta. Tipo: se no café da manhã comi uma média, no almoço não tem carboidrato... Se comi doce à tarde, janto sopa.. e assim vai. Nada nutritivo e totalmente desaconselhável...rs..ms nao me encaixo na opção seguir cardápios. Acho trabalhoso.. ms tenho consciencia de que é o certo. Ah, e qto aos eventos, tu sabe que eu topo comer salada na pizzaria ne..ahahhahaha..só chamar!! Tamo junto!!! bjs

Caroline Andrade disse... [Responder Comentário]

Hahaha, no meu caso nao to seguindo um cardápio, mas sim uma lista de opções... cardápio pra mim tbm não funciona!

Mas valeuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu :-)
Sei que posso contar com seu apoio rs

Postar um comentário

:a   :b   :c   :d   :e   :f   :g   :h   :i   :j   :k   :l   :m   :n   :o   :p   :q   :r   :s   :t